Reflorestamento, celulose e papel: Klabin

Compartilhe:

Imagem retirada de https://revistagloborural.globo.com/Colunas/melhores-do-agronegocio/noticia/2019/11/reflorestamento-celulose-e-papel-klabin.html

O manejo sustentável de florestas, que incluem mata nativa e plantação de pínus e eucaliptos, tem sido uma marca na história da Klabin e contribuído para seus bons resultados recentes. Com uma receita líquida que avançou quase 20% em 2018, para R$ 10 bilhões, a empresa foi a campeã na categoria Reflorestamento, Papel e Celulose, depois de ter ficado em segundo lugar na edição anterior do ranking.

A companhia, maior produtora e exportadora de papéis para embalagens, tem 216 mil hectares de florestas nativas e preservadas e 239 mil hectares de florestas plantadas no Paraná, Santa Catarina e São Paulo. A área de mata nativa preservada corresponde a 43% do total, acima dos 20% exigidos pela legislação ambiental como reserva legal.

Além da proteção dos recursos naturais, o manejo sustentável garante à Klabin um excelente aproveitamento do potencial de produção das florestas, destaca o diretor florestal da empresa, José Artêmio Totti. As matas da companhia apresentam um dos maiores índices de produtividade de celulose por hectare plantado do mundo.

Fonte: Globo Rural